As Minhas Meninas

sábado, 11 de fevereiro de 2006

Reportagem Jornal Expresso

O Sonho que Comanda Vidas

Elsa está a iniciar a segunda Fertilização In Vitro, Manuel foi trabalhar para as obras na Alemanha para pagar os tratamentos que lhe permitiram ter um filho, Maria Ana não tem braços para os quadrigémeos gerados no Brasil, Joana está grávida após 14 tratamentos, Carolina é mãe adoptiva..


Versão integral na edição nº 1737


Quando aceitei falar com a jornalista Raquel Moleiro e dar a cara pela infertilidade, foi para que as pessoas se apercebessem que a infertilidade é uma doença e como tal temos direito a ser tratados como qualquer doente. Para que este país visse, que infelizmente quando sofremos desta doença, senão tivermos dinheiro para os tratamentos e medicamentos o sonho de sermos pais não passa mesmo disso – de um Sonho.

Na conversa que tive com a Raquel, ela perguntou-me se eu já tinha pensado em consultar alguma clínica fora do país – não pensei e neste momento não penso sequer em sair da AVA, a não ser se for chamada para o público. Porque infelizmente o dinheiro é um factor decisivo.

Neste momento estou em ttt para a minha 2ª FIV e, se por alguma razão não receber o meu positivo, vou ter que parar durante uns tempos para "angariar fundos" para nova tentativa. E quando puder voltar a tentar será sempre com o Dr. Paulo Vasco. Sei que estou na mão de um dos melhores médicos em infertilidade.

Dei a cara por uma luta que é de todos nós!!!

41 comentários:

Luna disse...

Oi Kida!
Adorei ler a reportagem,o maridão foi um querido foi comigo comprar o jornal,adorei ler o teu testumunho e da hope, adorei ver-la de barriguinha tão kerida!
Daqui uns meses és tu vais estar barriguda, vais ver que vai ser desta, tu mereces por seres tão kerida e especial
beijocas e bfs
Luna
Ps: e da cocas sabes alguma coisa? se Gui já nasceu, aquela danada desapareceu outra vez.

Anónimo disse...

ola linda,

nos todos so temos que te agradecer por tb tu estares a lutar para sermos ouvidas e para termos direitos sobre a nossa luta diaria, mais uma vez parabens e em relaçao a tua luta vais ver que ja falta pouco para veres a luz ao fundo do tunel, no inicio de março falaremos melhor:P sabes bem q nao tarda teras o teu lindo POSITIVO beijos grandes armatos

*CC* disse...

Olá, Elsa!!!

Parabéns pela tua coragem, foi por uma boa causa sem dúvida.

Estou a torcer por ti...

Beijocas
CC

Sonia disse...

Já não consegui encontrar o Jornal, amanhã vou ao colombo pode ser que ainda encontre.

beijinhos querida.

Mamã trintona disse...

Oi, miga
Agora já estou mais descansada ao saber que não foi o meu comentário que deu origem aos teus posts. Tentei ser o mais explícita possível no que disse e agora sei que compreendeste o que quis dizer. Que alívio.

É mesmo como dizes, a infertilidade é uma doença como outra qualquer. Se o Estado dá apoios à toxicodependência, quando faz muito frio, tentam ajudar os sem-abrigo, porque é que não ajudam quem busca um sonho tão lindo? Depois ainda têm o descaramento de dizer que a população está a ficar envelhecida. Pudera!... Se quisessem mesmo mais bébés, ajudavam quem os procura ter.

A barigudinha que aparece na entrevista é a Hope? Ela desapareceu da blogoesfera por causa da reportagem?

Joquinhas, linda
Sofia

Costinhas disse...

Ainda não consegui ler a reportagem, mas só te tenho a dar os parabéns a ti e a todos os que participaram por isso mesmo, por darem a cara, por falarem na primeira pessoa da luta desigual - como tu bem dizes - que muitos casais travam para finalmente ter um filho nos braços.

Espero do fundo do coração que todos os que desejam esse tão desejado filho atinjam o seu sonho tão depressa quanto a natureza e a ciência deixarem!

E já agora que Portugal dê mais atenção a este problema...

Estou a torcer por ti.

Um beijo
Sandra

cate disse...

Linda, não te disse nada na sexta à tarde porque
aquilo aconteceu na sexta à noite!
e já passou, já nem me lembro mais!
Agora está tudo muito muito bem!
Beijinhos enormes e boa sorte para amanhã!
Adorei ler-te na reportagem , como já te disse!
cate e estrelinha

Clara Sonhadora disse...

Saltei da cama p comprar o jornal q pensie não ter grande saida, mas qd perguntei, disse a senhora, é o último!

Li a reportagem de fio a pavio e fiquei mt orgulhosa de ti e das demais.

Li também os teus últimos posts e só te digo que quem se esconde por detrás de 1 comentário anónimo é de 1 cobardia do pior.

Amiga, muito boa sorte para amanhã. Todo o resto que poderia aqui dizer, como que te admiro muito e estou deste lado para te apioar e blabla tu ja sabes, devido aos nossos serões deliciosos no msg. E como é lá que estamos agora, até já.

Anónimo disse...

Olá,sou a Maria e tal como tu faço parte dos 10%,15% de casais infertéis deste País,desejo-te boa sorte para amanhã que tudo corra bem e que brevemente tenhas as tuas estrelinhas.

Susy disse...

Obrigada por seres a pessoa k és!
Jinhos Doces e Força p'ra ti!
Susy

Mamuska disse...

Sem duvida que a infertilidade é um tema que devia ser muito mais abordado em Portugal! Admiro a tua força de vontade e de todos os pais e mães que lutam pelo sonho de terem um filho! Muita força! :)
Beijosss

Mariazinha disse...

obrigada por teres dado a cara por esta luta da infertilidade.....

E muito obrigada pelas tuas palavras de carinho no meu cantinho...

boa sorte para amanhã

Mariazinha

stardust disse...

Olá querida

Espero que estejas bem, adorei os teus comentários não podia estar mais de acordo!

Beijos

madalena disse...

os comentários que te fizeram não foram ofensivos, foi uma opinião de alguém, tu tens no blog, a opção de "anónimo" para poder comentar, se não gostas tira.
não, eu não sou a pessoa que disse aquilo, nem conheço quem disse, mas só acho que foi um exagero... só porque não disse o nome... a pessoa só estava a dar a opinião, e foi muito bem educada. é como te digo, não podes falar... porque tu própria deixas que os anónimos comentem...

madalena disse...

já agora... parabéns. gostei de ler o jornal.

Patrícia M disse...

Adorei ler a reportagem e confesso que me impressionou. Admiro-te pela tua coragem e a tua força...

Espero que amanha a eco te traga boas noticias.

Um beijinho,

Cristina disse...

Não era para comentar mais nada mas é só para realçar que estou a torcer muito por ti e por essa estrelinha linda que só está à espera da altura certa para vir.

HOPE disse...

Elsita estou de volta ao velho endereço ;)
Beijos
HOPE ;)
(ou direi...Joana??lol)

Bunny disse...

Minha querida,
parabens por teres contado a tua historia!
És uma mulher valente!!
Beijinhos no teu coração e que em breve os teus sonhos se realizem!

Musa disse...

Elsa, amiga, adorei... Adorei tudo: a reportagem, a tua contribuição, as histórias. Fiquei (e ainda estou) emocionada ao ver a nossa luta retratada daquela forma, fiquei orgulhosa com o teu "nós" e acho que estiveste fantástica!...
Obrigada por tudo, a sério...
Beijinhos grande,
Musa

Carla Isabel disse...

Minha linda

Obrigada por teres dado a cara por todas nós!

Bjs

Carla

soldeinverno disse...

Olá Elsita... fui comprar o jornal no sábado logo cedo... estava ansiosa... adorei a reportagem, acho que focou os principais problemas e espero que vá ajudar todas as mulheres que tenham problemas, bem como os seus maridos e os políticos do nosso país a perceber o problema... espero que esta luta vossa sirva para abrir um espaço na lei que até ao momento não há, e que em breve como compensação desta luta tenhas a tua estrelinha dentro de ti... torço muito por ti, pela Hope, enfim... por tantas mulheres que fui conhecendo neste espaço que é a blogosfera...um beijo fofo...

Kiki disse...

Minha querida,

Ainda não vi a reportagem mas estou ansiosa. De qualquer maneira dou-te os parabéns por teres dado a cara...sei que nem sempre é fácil. Na altura em que fiz a reportagem para a TVI houve muita gente que me "criticou" por estar a expôr um assunto tão intimo. O que dizia a essas pessoas na altura é que a infetilidade é uma coisa intima sim senhor...mas é tambem um problema de todos, e que portanto devemos fazer o que for possivel para alertar quem desconhece esta realidade. Aconteceu-me, como se calhar acontecerá a ti, a seguir à reportagem ter recebido uma série de telefonemas, alguns deles de amigas muito próximas que a chorar me diziam "não fazia ideia que fosse tão complicado". Sabes o que me aconteceu depois da reportagem...no entanto hoje em dia continuo a dizer que não me arrependo um segundo de ter dado a cara por este assunto.

Um beijinho de alguém que está a torcer muito pelo teu positivo

Lita disse...

Olá Elsa,

É a 1º vez que comento no teu blog, apesar de o acompanhar há muito tempo.
Graças a Deus que existem pessoas como tu, que dão a cara por uma causa tão importante. Talvez muitos não saibam sequer dar valor mas para quem luta por um filho, e no meu caso já lá vão 3 anos, sabe e entende cada palavra e cada atitude tomada.
Parabéns Elsa pela coragem.
A tua, a da Hope e dos outros casais.
Nunca te arrependas de ter dado a cara e e voz por uma causa tão nobre.
Um grande beijinho,
Lita

Anna72 disse...

Já li a reportagem e tenho que dar os parabéns e agradecer a ti e aos outros casais que se disponilizaram para dar a cara e expor um pouco das suas vidas.

Parece-me que finalmente se começa a falar deste assunto, o que é importante para que os nossos políticos abram os olhos para esta realidade.

Bem hajas!

A Loja do mestre Andre disse...

Bem amiga... as outras meninas já disseram tudo...
Orgulho e emoção, foi o que senti!
Até te mencionei no meu blog, espero que nao te importes ;)
Beijos e mts felicidades

Alexandra disse...

Amiga,
Pela quantidade de comentários aqui deixados, podes facilmente verificar q a receptividade foi excelente!
Achei a reportagem bastante séria, mas confesso q fiquei um bocadinho assustada com a falta de perspectivas q o nosso País ainda nos dá!
Por fim, aqui vão os meus parabéns à jornalista (eu sei q tu lhos darás!) pela investigação que fez sobre o assunto. Pareceu-me q ela pesquisou bastante sobre o assunto.
Beijinhos
Alexandra

Tânia disse...

Só te posso agradecer por defenderes o que são tb os meus interesses.

Obrigada e muitos beijinhos

Alexandra disse...

Olá!
Sou eu outra vez ;-)
Podes-me adicionar, se quiseres! E já agora, com toda a honra e orgulho!
Beijinhos

Alexandra

sónia castro disse...

Olá, mais um comentário de parabéns, mas não podia deixar em branco este momento.
Muito obrigada pela coragem de demonstrares aquilo que todas sentimos.
Beijinhos

Anónimo disse...

Olá Elsa,

A reportagem ficou linda.
Desde as fotografias, aos depoimentos, até à maneira como foi escrito.

Parabéns por teres participado nesse trabalho, que espero venha a dar frutos.

Desejo tb que este tt seja um sucesso.

Bjs
Pi

Ana disse...

Fiquei impressionada, um belo testemunho. Queria te felecitar pela tua coragem.
Vou-te adicionar ao meu blog.
A ti e a todas que andam nesta luta, desejo-vos muitas felicidades e que em breve tenham o vosso sonho realizado.

Uma joquinha enorme

mãe gabi disse...

ola querida...parabens pela reportagem..ja foi quase tudo dito...beijos enormes!

Think Pink disse...

Querida Elsa,
és uma valente. Obrigada por testemunhares por todas nós. Muita força para ti!

amor@ disse...

Elsa, parabéns. Fizeste das tuas palavras as nossas palavras e eu gostei imenso daquilo que li. Espero sinceramente que isto sirva o propósito de sensibilizar os nossos governantes para um problema que é mais que expressivo na população portuguesa.
um grande beijinho

Anónimo disse...

Olá Elsa,
Compreendo cada palavra escrita na reportagem, já senti na pele a dor da infertilidade durante 6 anos felizmente consegui engravidar após FIV estou gravida de 5 meses mas numca vou esquecer os momentos que passei no forum e as pessoas que conheci através dele, a reportagem está linda estão todas de parabens!!!
Desejo-te toda a sorte do mundo para tua FIV, vais conseguir...
Felicidades

Carla Rio+ Princesa

Anónimo disse...

ola elsa !
desde já quero dar te os parabens por dares a cara por nossa causa.nao li a reportagem mas vou ver se alguem tem para me emprestar .bjs

kika disse...

Ohhh
esqueci me de me identificar desculpa.

Matilde disse...

Olá, amiga!
Queria Agradecer-te por teres dádo a cara (+Joana) por todas nôs eu nunca teria conseguido fazê-lo.
Muito OBRIGADA e tudo de bom para vocês :)))
Beijoinhas
Matilde

Rita disse...

Não te felicito pela coragem, porque não vejo a coisa nesses termos, mas felicito-te pela entrevista em si. Temos mais é que aproveitar o "tempo de antena" que nos dão. É isto. Beijinhos, muitos, muitos e como sabes estou a torcer para que em breve os teus embriões estejam bem juntinho a ti, firmes e fortes!!!! ;)

Leonor Alves disse...

Olá, sou a Leonor Alves, trabalho na RTP no sector de pesquisa, e na sequência do trabalho da revista do Expresso, gostariamos de contactar alguém que tenha subscrito a petição e que nos possa dar mais dados ou eventualmente participar numa reportagem para o Telejornal, dando assim viva voz aos vossos argumentos. Gostaria também de saber qual a data de entrega na AR.Para tudo isto deixo o meu contacto da RTP: 21-797.72.17 ou e-mail: leonor.alves@rtp.pt

Agradeço a vossa atenção solicitando a vossa resposta o mais breve possível e desejo-lhe as maiores felicidades.